E agora?

Vivemos tempos estranhos. Muito rapidamente tudo mudou para todo mundo, literalmente. E agora em meio à esta pandemia, muita gente fica tentando prever como as coisas ficarão quando ela acabar.

Opinar sobre o futuro é relativamente fácil, principalmente quando projetamos nossas vontades e desejos nestas opiniões. Particularmente, venho tentando adotar pensamentos e decisões de curto prazo; afinal, não sabemos com certeza nem quando esta pandemia vai realmente acabar. Também não quero ficar prevendo ou chegando em certezas absolutas (com perdão pela redundância) quando falamos do futuro das interações humanas e das relações entre empresas e pessoas.