Mas Vintage é bom ou ruim?

Acho incrível a capacidade que temos de fazer palavras entrarem e saírem de moda com tanta facilidade, mais incrível ainda, como o mercado e as empresas se apropriam destas palavras para usos diversos, mas ao meu ver, infelizmente, às vezes, sem muito bom senso.

E a palavra Vintage é uma delas. Muita usada hoje em dia para resgatar produtos e objetos clássicos do passado que voltaram (ou estão sendo impostos) à moda, seja em massa ou em algum segmento de mercado específico. Por exemplo, com embalagens de produtos como a Coca-Cola fez há pouco tempo, ou mesmo nos cabeleireiros masculinos, ou melhor, barbearias (termo Vintage) que estão aparecendo em todo o canto com seu visual retrô/americanizado.